Meu carro novo: como emplacar o carro sem contratar um despachante

Escrito por Pedro Da Silva

Ao adquirir um carro, é necessário se planejar para despesas que vão além do valor da compra do veículo, como por exemplo, o emplacamento e a documentação do veículo.

Por isso, neste artigo a gente te explica detalhadamente quanto custa e como fazer cada um deles. Confira!

Como emplacar um carro 0 km

A primeira coisa que você deve fazer é ir ao Detran da sua cidade para registrar o carro. Você tem até 30 dias após a emissão da nota fiscal fazer isso e para gerar o CRV (Certificado de Registro do Veículo).

O CRV é o documento que permite o emplacamento e a emissão do CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo).

Passo a passo para o emplacamento de veículo no Detran

Para solicitar o emplacamento do carro no Detran é necessário que o próprio dono do veículo seja o solicitante ou alguém em posse de uma procuração com firma reconhecida em cartório.

É preciso ter em mãos os seguintes documentos  (original e cópia):

  • RG
  • CPF
  • CNH
  • Comprovante de residência (emitido nos últimos 3 meses)
  • Nota fiscal do veículo com o decalque do chassi
  • Formulário Renavam – duas cópias preenchidas

Emplacamento: o que eu faço quando chegar ao Detran?

O primeiro passo é pagar a taxa do serviço de lacração na agência bancária dentro do próprio Detran. Para isso, confirme o código do serviço no caixa. 

O segundo passo é procurar o Setor de Classificação de Placas para solicitar a combinação de letras e números da placa do veículo.

Em seguida, é necessário ir ao setor do DPVAT e IPVA para que essas duas alíquotas sejam calculadas em relação ao modelo do seu veículo e ano atual. 

Depois basta realizar o pagamento do DPVAT, IPVA e taxa de registro do veículo

Com o comprovante em mãos, é só ir até a Seção de Prontuário de Veículos e dar entrada no processo. O próprio Detran informará o local no qual será feita a vistoria e emplacamento do carro.

Atenção: pelo Código Brasileiro de Trânsito é permitido circular com o veículo sem placa apenas do local da compra do veículo para o local de emplacamento. E isso somente no período de até 15 dias (contados a partir da data de emissão da nota fiscal).

Depois desse prazo, a ausência da placa no veículo é considerada infração gravíssima com multa de R$293 mais apreensão do veículo.

Leia: Carro sem placa pode ter seguro?

Quanto custa o emplacamento do veículo

Você pode optar por emplacar o seu carro novo com um despachante ou por conta própria no Detran do seu município.

O preço do registro e emplacamento do veículo variam de uma cidade para outra.

Ao realizar esse serviço com um despachante, em São Paulo, por exemplo, você dificilmente vai pagar menos de R$1.000 (incluindo as taxas).

Mas, você pode economizar e pagar bem menos se preferir emplacar o veículo por conta própria diretamente no Detran. Veja só:

  • Par de placas com tarjeta – R$132,84
  • Par de placas com tarjeta (concessionária) – R$ 204,97
  • Par de placas com tarjetas dimensões reduzidas – R$ 149,36
  • Par de placas com tarjetas dimensões reduzidas (concessionária) – R$ 221,50

Além de economizar com o emplacamento do carro, você também pode economizar com o seguro auto.

Contratar o seguro do veículo diretamente na concessionária pode sair mais caro. O ideal é que você conheça todas as opções disponíveis no mercado, compare e faça a melhor escolha para o seu perfil e, principalmente, para o seu bolso.

Para te ajudar com isso, basta acessar o comparador de seguro auto e fazer a simulação sem compromisso.

Leia também outros posts sobre o assunto: