Seguro Auto Seguros

Vistoria cautelar: como não ser enganado na compra de um carro usado

vistoria cautelar
0

Vai comprar um carro usado e quer ter certeza sobre a procedência e o estado do veículo? Aposte na vistoria cautelar. Trata-se uma checagem geral do auto, desde a parte mecânica até a validação dos documentos. Saiba mais sobre como funciona este tipo de vistoria para carro aqui no blog!

O que é vistoria cautelar e para que ela é indicada?

 

O passado de um carro usado condena e muito! Pra saber se o veículo semi-novo que você está cobiçando é aquilo tudo mesmo vai precisar de uma vistoria cautelar.

Este tipo de vistoria veicular funciona de maneira preventiva para quem pretende comprar um carro usado e quer saber a verdade sobre a real procedência dele para não ser enganado.

A vistoria cautelar faz um verdadeiro “raio x” do auto, ou seja, verifica os documentos, histórico do veículo financeiro, pendências jurídicas e também o estado da estrutura mecânica.

A avaliação mecânica vai desde itens estruturais do carro até itens de segurança. São verificados componentes: como chassi, motor, pintura, lacração, a placa, velocímetro, pneus, pintura, vidros e muitos outros. Nesta perícia minuciosa, também é analisado se o carro já foi batido, adulterado, roubado e se sofreu algum tipo de recall.

Outra laudo cautelar analisa os documentos do veículo e informações legais sobre o passado do mesmo. Uma pesquisa jurídica e financeira é feita para saber se o automóvel faz parte de alguma processo legal, se está pago ou se tem algum débito em aberto, se foi comprado em algum leilão.

 

 O que é verificado na vistoria cautelar?

 

  • Itens de identificação, estruturais e mecânicos: chassi, motor, pintura, velocímetro, pneus, pintura, pneus, freio, alinhamento, amortecedores e outros;
  • Avaliação dos documentos do carro e histórico de proprietários;
  • Indício de sinistro;
  • Leilão;
  • Recall;
  • Pesquisa jurídica e financeira.

 

Qual é a diferença entre vistoria veicular e vistoria cautelar?

 

Como falamos acima a vistoria cautelar analisa a procedência e as condições verdadeiras de um veículo para quem quer adquirir um veículo usado. O laudo cautelar serve para evitar que o comprador seja vítima de fraudes, como por exemplo, comprar sem saber um carro clonado, adulterado, sinistrado ou com dívidas em aberto.

A vistoria veicular, como já falamos aqui no blog, é um procedimento exigido pelo órgãos de trânsito durante o processo de transferência de documentos. O laudo veicular tem como objetivo avaliar as condições do veículo e combater adulterações como, por exemplo, peças clonadas e itens tunados que não estejam regulamentados.

 

Talvez você também goste
leasing carro IR
Como declarar leasing de carro no Imposto de Renda
seguro carro 4x4
Saiba tudo sobre os seguros para veículos 4×4