Seguro Auto Seguros

Vistoria cautelar: como não ser enganado na compra de um carro usado

vistoria cautelar
0

Vai comprar um carro usado e quer ter certeza sobre a procedência e o estado do veículo? Aposte na vistoria cautelar. Trata-se uma checagem geral do auto, desde a parte mecânica até a validação dos documentos. Saiba mais sobre como funciona este tipo de vistoria para carro aqui no blog!

O que é vistoria cautelar e para que ela é indicada?

 

O passado de um carro usado condena e muito! Pra saber se o veículo semi-novo que você está cobiçando é aquilo tudo mesmo vai precisar de uma vistoria cautelar.

Este tipo de vistoria veicular funciona de maneira preventiva para quem pretende comprar um carro usado e quer saber a verdade sobre a real procedência dele para não ser enganado.

A vistoria cautelar faz um verdadeiro “raio x” do auto, ou seja, verifica os documentos, histórico do veículo financeiro, pendências jurídicas e também o estado da estrutura mecânica.

A avaliação mecânica vai desde itens estruturais do carro até itens de segurança. São verificados componentes: como chassi, motor, pintura, lacração, a placa, velocímetro, pneus, pintura, vidros e muitos outros. Nesta perícia minuciosa, também é analisado se o carro já foi batido, adulterado, roubado e se sofreu algum tipo de recall.

Outra laudo cautelar analisa os documentos do veículo e informações legais sobre o passado do mesmo. Uma pesquisa jurídica e financeira é feita para saber se o automóvel faz parte de alguma processo legal, se está pago ou se tem algum débito em aberto, se foi comprado em algum leilão.

 

 O que é verificado na vistoria cautelar?

 

  • Itens de identificação, estruturais e mecânicos: chassi, motor, pintura, velocímetro, pneus, pintura, pneus, freio, alinhamento, amortecedores e outros;
  • Avaliação dos documentos do carro e histórico de proprietários;
  • Indício de sinistro;
  • Leilão;
  • Recall;
  • Pesquisa jurídica e financeira.

 

Qual é a diferença entre vistoria veicular e vistoria cautelar?

 

Como falamos acima a vistoria cautelar analisa a procedência e as condições verdadeiras de um veículo para quem quer adquirir um veículo usado. O laudo cautelar serve para evitar que o comprador seja vítima de fraudes, como por exemplo, comprar sem saber um carro clonado, adulterado, sinistrado ou com dívidas em aberto.

A vistoria veicular, como já falamos aqui no blog, é um procedimento exigido pelo órgãos de trânsito durante o processo de transferência de documentos. O laudo veicular tem como objetivo avaliar as condições do veículo e combater adulterações como, por exemplo, peças clonadas e itens tunados que não estejam regulamentados.

 

Talvez você também goste
carro elétrico apple
Carro elétrico da Apple pode trazer pesadelos ao setor
comprar carro leilao
Comprar carros em leilões: vale a pena?

Banner Seguro Auto