Turismo sustentável: diversão e preservação do Meio Ambiente

O Turismo sustentável se faz cada vez mais necessário, por diversas questões. Entenda sobre o assunto no conteúdo que preparamos, a seguir.

Elisa Matos
Elisa Matos
28 de abril 20233 min de leitura
turismo sustentável

Você já ouviu falar em turismo sustentável? O termo se popularizou há alguns anos e, desde então, tem ganhado cada vez mais força. Esse tipo de turismo é muito interessante, porque proporciona ao viajante um passeio agradável e rico em experiências e conscientização de preservação ambiental e de culturas. 

Índice


    1. 1. Turismo sustentável não é ecoturismo!
    1. 2. Turismo sustentável no Brasil
    1. 3. Como colaborar com o turismo sustentável
    1. 4. Aproveite o turismo sustentável com a ComparaOnline!

Procurando por um seguro viagem?

Contrate agora mesmo em poucos passos.

Cotar meu seguro

Os principais objetivos do turismo sustentável são:

  • preservar a cultura local e apresentá-la aos visitantes da região;
  • despertar no turista a consciência de respeito à cultura local;
  • preservar o Meio Ambiente e os moradores;
  • preservar os recursos naturais;
  • dar protagonismo às comunidades locais. 

Apesar da maioria das viagens terem como motivação paisagens magníficas, como as praias paradisíacas ou, para os cosmopolitans, estruturas com arquitetura única, é preciso ter em mente que as visitas constantes em alguma região, e até mesmo o deslocamento até o destino, têm seu lado positivo e, também, o negativo. 

Ao mesmo tempo que a indústria movimenta milhões e torna-se importantíssima para a economia de determinada região, ela também prejudica o planeta por meio da poluição desordenada pelos visitantes e da causada por gases de efeito estufa.

Por conta disso, é de grande importância que cada vez mais pessoas saibam o que é turismo sustentável. Com a conscientização ambiental, é possível diminuir os pontos negativos do turismo e proporcionar melhores experiências para o turista, para a população local e, inclusive, para o Meio Ambiente.  

Turismo sustentável não é ecoturismo!

É comum que a definição de turismo sustentável, se confunda inicialmente com a de ecoturismo, mas estes termos não são a mesma coisa! Enquanto o primeiro tem um viés ecológico e social, o segundo é uma forma ecologicamente correta de aproveitar o passeio na natureza. 

Explicando melhor: o turismo sustentável envolve desde a diminuição de poluentes, como os gases de efeito estufa, e emissão de lixo até a preservação da cultura local.

Essa é uma atitude que deve ser tomada por todos — do turista e do comerciante aos donos de redes de hotéis, agências de viagens etc. Também vale ressaltar que o turismo sustentável não envolve apenas viagens ligadas à natureza. Absolutamente qualquer destino está englobado nesta vertente.

Já o ecoturismo é uma prática voltada para a apreciação da natureza de forma saudável para o Meio Ambiente. Um dos seus objetivos é valorizar a natureza e despertar no turista a consciência de preservação, garantindo, assim, o bem-estar da população. 

Turismo sustentável no Brasil

Apesar do Brasil ser um dos destinos paradisíacos do Globo, o conceito de turismo sustentável ainda não é muito difundido no país. Apesar disso, a organização holandesa Green Destinations elegeu, em 2022, 10 lugares brasileiros como os mais sustentáveis para o turismo no mundo. 

Os destinos premiados pela Green Destination foram: 

  • Epitaciolândia (AC);
  • Diamantina (MG);
  • Corguinho (MS);
  • Tibau do Sul (RN)
  • Tibau (RN);
  • Capitólio (MG)
  • Pedro Gomes (MS);
  • Bombinhas (SC)
  • Itá (SC);
  • Orleans (SC).

Apesar do turismo sustentável no Brasil não ser tão discutido e colocado pouco em prática, é válido ressaltar que o país conta com ações voltadas para a preservação do Meio Ambiente — um passo muito importante para o turismo sustentável — e há diversas regiões preservadas e espaços verdes, inclusive nas cidades. 

Como colaborar com o turismo sustentável

Apesar de ser uma medida que envolve diversos fatores, é possível que cada um faça a sua parte, mesmo que pequena, para colaborar com o turismo sustentável. Um exemplo é, sempre que possível, não planejar viagem em alta temporada, a fim de locais com excesso de turistas. 

Busque, também, valorizar o comércio local: aproveite para jantar no restaurante tradicional da cidade em vez de uma franquia, por exemplo. O mesmo com a hospedagem: se possível, hospede-se em uma pousada em vez de um hotel de rede. 

Um ponto muito importante que deve ser levado em consideração é respeitar as normas de preservação ambiental em áreas preservadas, como as praias. Assinar os termos necessários e não poluir a região já são atitudes simples e que fazem toda a diferença.

Aproveite para conhecer a cultura local e imergir nela. Será uma experiência única, que enriquecerá sua cultura, fará você aproveitar de forma única a viagem e, ainda, ajudará a preservar os costumes da região.  

Muitas companhias aéreas estão comprometidas a reduzir a emissão de gases de efeito estufa — algumas, inclusive, estão propostas a zerar a sua emissão. Se possível, pesquise se essas companhias disponibilizam viagens para o destino desejado e opte por elas no momento de embarcar para seu passeio. 

Aproveite o turismo sustentável com a ComparaOnline!

Se você ficou interessado em colocar o turismo sustentável em prática, conte com a ajuda da ComparaOnline para contratar o seu seguro viagem. Com ele, você aproveita o passeio com tranquilidade e segurança. 

Uma vez que suas dúvidas sobre o turismo sustentável foram esclarecidas, contate um de nossos especialistas para saber qual a melhor opção de seguro para o destino escolhido e aproveite suas férias sem preocupações. 


Elisa Matos
Autor

Elisa Matos

Eu sou formada em Jornalismo e tenho especialização em Marketing Digital. Escrevo sobre produtos financeiros, seguros e viagens. Já morei em 9 cidades do Brasil e amo viajar o mundo. Minha missão é escrever com simplicidade para tornar a vida das pessoas mais fácil.

Procurando por um seguro viagem?

Contrate agora mesmo em poucos passos.

Cotar meu seguro