Os 5 principais modelos de carro chinês do Brasil As montadoras chinesas não vieram para “brincar”! Como você perceberá na lista, existe uma predominância de utilitários esportivos que, atualmente, são os prediletos entre os consumidores. Agora, confira os carros chineses mais vendidos em nosso mercado nos últimos anos!

1. Chery New QQ Act

carro chinês Chery QQ O carro chinês New QQ pode ser visto como um estranho no ninho. Isso ocorre em função de seu tamanho, um subcompacto com cerca de 3,55 metros de comprimento. Para ser coerente com a sua dimensão, a Chery o comercializa sob o marketing de “a pequena maravilha”. Confira os seus destaques:
  • motorização 1.0 desempenhando 75 cv de potência e 10,1 kgfm de torque, médias com etanol;
  • transmissão manual de 5 marchas;
  • média de consumo com gasolina em 12,9 km/l no trajeto urbano e 14,4 km/l no rodoviário;
  • 160 litros de capacidade no porta-malas;
  • a partir de R$ 27.490,00.

2. Chery Tiggo 2 Look

carro chinês tiggo 2 O Tiggo 2 é outro carro chinês de sucesso reconhecido como o SUV mais barato do mercado, logicamente, em sua versão de entrada. Em 2019 a versão sofre algumas reformulações para encarar a concorrência,  No geral, trata-se de um utilitário que une design agradável a um bom pacote de itens de conveniência. Veja seus detalhes:
  • motorização 1.5 de 115 cv e 14,9 kgfm, com etanol;
  • transmissão manual de 5 marchas;
  • média de consumo de gasolina em 10,9 km/l no urbano e 12,3 km/l no rodoviário;
  • 420 litros de capacidade no porta-malas;
  • a partir de R$ 59.990,00.

3. JAC T40 CVT

carro chinês jac t40 Agora, uma demonstração de como as chinesas estão dispostas a escutar o consumidor. O carro chinês T40 já era um SUV bem-acabado e agradável aos proprietários, mas existia uma crítica que se sustentava: a falta do câmbio automático. A JAC ouviu, desenvolveu e entregou. Seus destaques:

4. Lifan X60 Talent

carro chinês lifan x60 O carro chinês X60 foi um marco no mercado nacional. Afinal de contas, desde a sua primeira geração no Brasil, em meados de 2013, apresentava um design coerente e sóbrio. Além disso, embalava o “pacote” todo com uma motorização sensata, suficiente e por fim, um preço confortável ao consumidor brasileiro. Os detalhes:
  • motorização 1.8 de 128 cv e 16,8 kgfm, com gasolina;
  • transmissão manual de 5 marchas;
  • média de consumo de gasolina em 8,8 km/l no urbano e 10,2 km/l no rodoviário;
  • 425 litros de capacidade no porta-malas;
  • a partir de R$ 69.990,00.

5. Geely EC7

carro chinês EC7 Quebrando a série de utilitários, a Geely garante a sua fatia do mercado com o EC7. Trata-se de um sedan médio que segue a fórmula conservadora das montadoras chinesas: um pacote honesto por um preço justo. Confira os seus destaques:
  • motorização 1.8 de 130 cv e 16,9 kgfm, com gasolina;
  • transmissão manual de 5 marchas;
  • média de consumo de gasolina em 10,4 km/l no urbano e 15,2 km/l no rodoviário;
  • 670 litros de capacidade no porta-malas;
  • a partir de R$ 49.990,00.
Em conclusão, existe uma prática fundamental àqueles interessados em um modelo chinês: muita pesquisa! É indispensável consultar a opinião de antigos proprietários, realizando inúmeras comparações antes de tomar sua decisão final. Você deve encontrar o modelo ideal para não fazer uma aquisição precipitada e, posteriormente, se arrepender. Por fim, entendemos que apenas o tempo e a aceitação de mercado solidificarão o lugar do carro chinês no mercado consumidor brasileiro. Agora, aproveite o seu interesse no tema e leia o post “Alarme automotivo: quais são as melhores opções?”, para aumentar a proteção do seu veículo! [/fusion_text][/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]]]>