Tipos de inflação e como elas afetam o seu bolso

>>>Tipos de inflação e como elas afetam o seu bolso
Crédito Pessoal, Financeiro

Por |2018-09-18T14:56:12+00:0021 / jul / 2017|
Tipos de inflação e como elas afetam o seu bolso5 min read
4.7 (93.33%) 3 votos

Inflação de demanda, inflação inercial, inflação de custos, muitos são os nomes dados a boa e velha inflação e por isso vamos explicar, aqui no blog, o que significa cada uma delas e suas consequências. 

O que é inflação?

o que é inflação

A inflação é o aumento contínuo e generalizado dos preços dos bens e serviços, ou seja, é a média do crescimento dos preços dos bens e serviços em um determinado período. Como explicamos aqui no blog no texto: O que é inflação e como funciona

Com a alta da da inflação seu dinheiro passa a valer menos porque os produtos e os serviços que você consome, no dia a dia, ficam mais caros. Sabe aquele aumento anual do seu aluguel? Ele é baseado no IGP-M (índice geral de preços do mercado) que nada mais é que um índice da inflação.

Porém, o que pouca gente sabe é que a inflação não é uma só. Sim, ela existe de várias formas e abaixo te explicamos como isto funciona.

Inflação de demanda

A Inflação de demanda acontece quando não há oferta suficiente para suprir a demanda por produtos e insumos.

A inflação de demanda é uma velha conhecida dos brasileiros, isto porque o Brasil viveu um período próspero de crescimento da economia,  que gerou um aumento no poder aquisitivo da população, principalmente da classe média. Com mais dinheiro rolando na economia as pessoas tendem a consumir mais, certo? Mas a demanda, no nosso caso, foi maior que a oferta do mercado. Isto acabou gerando um aumento na inflação de demanda. A inflação de demanda pode existir mesmo quando há crescimento do PIB, porém este não acompanha a mesma proporção do consumo.

O mercado imobiliário também passou pelo mesmo processo, quando o governo liberou mais crédito para o financiamento de imóveis. Havia mais gente buscando imóveis que moradias disponíveis: inflação de demanda. Bazinga! Entendeu agora?

Inflação de custos

A inflação de custos acontece quando o custo da produção aumenta. É justamente o tipo de inflação que o Brasil está vivendo agora. Com crise política e o medo do desemprego as pessoas consomem menos, com a diminuição do consumo a inflação deveria diminuir, certo? Ai você pega o seu cartão de crédito e sai para dar uma volta no shopping ou mesmo no supermercado e percebe que aconteceu o contrário, os preços subiram. 

Trata-se da inflação de custos que é resultado dos altos impostos, do aumento no preço dos insumos, somados a burocracia e a  falta de mão de obra qualificada. Todos estes fatores fazem com que a produção e a oferta de produtos brasileiros fique mais cara, mesmo com as pessoas consumindo menos.

Por isso o governo vem falando muito sobre reforma trabalhista e de outras manobras para diminuir os encargos sobre os produtos.

Inflação inercial

Tanto a inflação de custos quanto a inflação de demanda são passageiras e tendem a encontrar um ponto de equilíbrio. Já a inflação inercial pode perdurar anos. Isso te faz lembrar de alguma coisa? Lembra da época em que o Brasil tinha como moeda oficial o cruzeiro? Quem viveu essa época sabe na pele o que é inflação inercial. 

A inflação inercial é causada por uma reação em cadeia, em que os preços sobem porque acompanham a inflação presente e passada. Por exemplo, o preço da gasolina sobe, em decorrência disto os preços dos produtos e alimentos também sobe, o preço do transporte público também aumenta. Em decorrência deste aumento de preços os trabalhadores passam a pedir aumento de salário para acompanhar a inflação. Com a mão de obra e insumos mais caros os empresários crescem ainda mais o preço dos produtos e assim vai. A Inflação inercial é cíclica e para combatê-la o governo precisa desindexar os preços da economia da inflação. Loucura, né?

Entendeu agora o que é inflação inercial? Leia mais sobre finanças no nosso blog!

Como proteger os seus investimentos da inflação?

O que é CDB e como investir

Rentabilidade da poupança: quando vale a pena investir

O que é score e para que serve?

O que é Taxa Selic e como ela afeta sua vida financeira?

Inscreva-se em nossa newsletter

Talvez você também goste