Ter um carro é o sonho de consumo de muitas pessoas. E se o carro estiver super equipado, com todo conforto e facilidades que a tecnologia oferece, melhor ainda. Mas será que vale a pena investir tanto em acessórios? Seu carro vai ficar mais valorizado? O seguro de carro cobre todos os acessórios? Essas dúvidas são frequentes na hora da decisão, por isso, é bom pensar bastante no que você pretende fazer.

Em primeiro lugar, convém saber que o conforto e a tecnologia que você busca podem significar 30% a mais desembolsados do seu orçamento em comparação com a compra de um automóvel com itens de série básicos. Em alguns casos essa variação pode aumentar em até 36% o valor que você vai pagar pelo carro, e você ainda tem as despesas de manutenção, seguro do auto, licenciamento e combustível.

Mesmo que um carro tenha todos os itens de série, alguns equipamentos como airbag, vidros elétricos, ar-condicionado, direção hidráulica e aparelho de som aumentam muito o preço do carro. Embora sendo equipamentos muito importantes, são considerados opcionais.

Outro ponto a considerar é a questão da revenda do automóvel. Muitos itens opcionais são bem aceitos, e poderiam até ser classificados como imprescindíveis, como a direção hidráulica e o ar-condicionado. Os bancos de couro e o equipamento de som embora em segundo plano, também tem boa aceitação. Vale ainda salientar que os acessórios não valorizam o carro, são apenas diferenciais que se depreciam rapidamente, e muitas vezes até dificultam a venda.

Se você está disposto a pagar pelos mimos que as montadoras oferecem, você pode incluir no seu carro piloto automático, bancos com ajuste automático, faróis automáticos com limpador e sensores de navegação. Afinal, se você passa muitas horas no trânsito ou viaja bastante um conforto é sempre bem-vindo.

Também existem as opções de pintura metálica ou perolizada, as rodas de liga leve e o teto solar que fazem bastante diferença no visual do auto. Bancos de couro aquecidos, detector de fadiga, cartão inteligente ou chave, descansa braço dianteiro central são outras modernidades que também estão disponíveis para quem não dispensa bons equipamentos. Mas é importante lembrar que todos esses itens devem ter contratação específica na hora de fazer o seguro do automóvel.